sexta-feira, 2 de dezembro de 2016

SOBERANIA NACIONAL SOBRE OS RECURSOS NATURAIS

ELEIÇÕES NORTE AMERICANAS [PDF]

Elisiane Araujo
Tarija Rodrigues
Milena Gouveia
Ezequiel Campos
Milena Renata

Ascenção do terrorismo na Europa e nos EUA [PDF]

Ascenção do terrorismo na Europa e nos EUA [PDF]

Alysson Carvalho
Daniel Amoedo
Ivana Brito
Larissa Sousa
Nayara Omena
Rita Maiara
CEPESF
Turma:302- BM 
Turno: matutino
Prof: Wagner Aragão , Yuri Oliveira

A RETOMADA DO CONSERVADORISMO PELO MUNDO [PDF]

A RETOMADA DO CONSERVADORISMO PELO MUNDO

C.E.P.E.S.F

*Componentes:
Eduarda Melo;
Fernanda Caroline;
Rhanna Emanuele;
Roberto Messias;
Stéphanie Silva;
Sara Vieira;

*Professores: Wagner, Yuri
Turma302/ 3ºBM

A RETOMADA DO CONSERVADORISMO PELO MUNDO

A RETOMADA DO CONSERVADORISMO PELO MUNDO

C.E.P.E.S.F

*Componentes:
Eduarda Melo;
Fernanda Caroline;
Rhanna Emanuele;
Roberto Messias;
Stéphanie Silva;
Sara Vieira;

*Professores: Wagner, Yuri
Turma302/ 3ºBM

ASCENSÃO do terrorismo na Europa e nos EUA.








Ascensão do terrorismo na Europa e no EUA

Alysson Carvalho
Daniel Amoedo
Ivana Brito
 Larissa Sousa
 Rita Mayara
CEPESF 
Professores : Wagner Aragão e Yuri Oliveira 
3º ANO BM 
Turno : Matutino


quarta-feira, 30 de novembro de 2016

Posicionamentos da mídia na politica Brasileira

                                                                    Componentes                                                             Willian Santos
Aintan Ferreira
Allan Santana
Oseias
Wesley Souza
                                                                      Professores

                 

Wagner
Yuri                                                                
                                                                       Turma

 3° Bm

        
                    

terça-feira, 29 de novembro de 2016


CEPESF 3º ANO / BM 

TRABALHO
DE
HISTÓRIA E GEOGRAFIA

ELEIÇÕES NORTE AMERICANAS

Elisiane Araujo
Tarija Rodrigues
Milena Gouveia
Ezequiel Campos
Milena Renata


sábado, 26 de novembro de 2016

Terrorismo na Europa

Alysson Carvalho
Daniel Amoedo
Ivana Brito
Larissa Sousa
Nayara Omena
Rita Maiara

RESUMO:

Este trabalho faz um breve relato sobre o terrorismo e de sua historia, os principais grupos que agem atualmente e os tipos de terrorismo. Aborda ainda a crescente onda de ataques que vem acontecendo na América e Europa e os principais responsáveis por estes atentados.

PALAVRAS CHAVES:

Grupos terroristas. Terrorismo na Europa. Atentados terroristas.


INTRODUÇÃO:

O terrorismo na Europa tem sido um dos assuntos mais abordados e debatidos nos últimos 16 anos, sua intensificação é alarmante não só para o povo Europeu, mas para todos os demais continentes.
O conceito de terrorismo baseia-se no uso de violência física ou psicológica com o proposito de intimidar uma população ou governo, impondo a vontade pelo medo, tendo como objetivo a desorganização da sociedade utilizando para tanto assassinatos, sequestros, explosões de bombas, raptos, matança indiscriminadas e linchamentos.
                                                                                                                                       
UM POUCO DE HISTORIA

Considerado como um crime do século XX, o terrorismo são grupos organizados convictos de que seus atos são justificáveis e necessários para conquistar seus objetivos.
Os primeiros assaltos terroristas aconteceram em 1912 sem, contudo, fomentar o terror dos ataques atuais. Com o fim da primeira guerra mundial alguns países passaram a financiar grupos terroristas dando inicio ao terrorismo internacional, o qual tem aumentando muito nas últimas décadas e de tal forma que atualmente se tem conhecimento de ataques terrorista em todo o planeta com uma constância assustadora.
Hoje, dentre os grupos terroristas espalhados pelo mundo, os mais famosos são: Al Qaeda – grupo islâmico que surgiu no Oriente Médio, e defende as causas afegãs; ETA (Pátria Basca e Liberdade): lutam pela independência territorial da França e da Espanha; IRA (Exército Republicano Irlandês): grupo paramilitar que defende a separação da Irlanda e do Reino Unido.

TIPOS DE TERRORISMO

Os principais tipos de Terrorismo são:
Terrorismo Indiscriminado: Quando o objetivo é espalhar o medo entre a população, sem visar um alvo especifico; Terrorismo Seletivo: objetiva atingir um alvo particular e induz o medo por meio do terrorismo psicológico em beneficio próprio; Terrorismo de Estado: Utilizado por governos totalitários, cujo objetivo é infringir terror à população a fim de manter-se no poder e agir segundo seus interesses; Terrorismo Comunal: caracterizado pelos atentados desconexos provocados pela população que investem contra outras sem a atuação das autoridades.

ATENTADOS NO MUNDO NOS ANOS 2000

O atentado de 11 de setembro de 2001, na América do Norte onde o estado islâmico invade os EUA atingindo com 04 aviões comerciais, tomados de assalto e desviados de suas rotas onde 02 atingiram as torres gêmeas em Nova Iorque, o mais importante centro financeiro do mundo, proporcionando total estrago, 01 atingiu o Pentágono em Washington e o quarto caiu em campo aberto próximo a Pensilvânia, resultando no total de quase 3000 mortes entre civis e terroristas. O grupo responsável por este atentado foi a Al Qaeda.
Este incidente marcou o inicio de vários outros atentados em todo o mundo como o ocorrido no teatro Dubrovka, em Moscou, no dia 23 de outubro de 2002, quando tropas da republica separatistas fizeram 850 reféns exigindo a retirada das tropas Russas do seu território. Este incidente deixou 170 mortos.
No dia 11 de março de 2004, em Madri, quatro trens de passageiros deixando 191 mortos e aproximadamente 1400 feridos. Supôs-se que a autoria deste atentado do grupo separatista ETA, entretanto, mais tarde, o grupo Brigadas de Abu Hafs al-Masri assumio o ataque.
No mesmo ano, em 01 de setembro na Rússia, uma escola foi invadida por 30 combatentes armados de rebeldes chechenos, fazendo cerca de 1200 reféns, que os mantiveram cativos por 03 dias, ameaçando matar 50 crianças para cada combatente morto e 20 para cada ferido. Este embate acabou com 334 mortes sedo 186 crianças e 700 feridos.
No dia 07 de julho de 2005, três bombas explodiram no metrô de Londres, deixando 56 mortos e mais de 700 feridos. O ato foi reivindicado pela Al-Qaeda.
O metrô de Moscou foi alvo de atentado em 30 de março de 2010, quando explosões mataram 40 pessoas e feriram 65. Este ataque foi executado por grupos separatistas chechenos.
A Noruega sofreu um duplo ataque em 22 de julho de 2011, enquanto o norueguês Anders Behring Breivik, estacionou uma caminhonete em frente a prédios do governo norueguês que explodiu matando 08 pessoas e ferindo outas 29, momentos depois, na ilha de Utoya, Anders abriu fogo contra a ala de partido trabalhista que se encontrava reunido, matando mais 68 pessoas.
Em 07 de janeiro de 2015, dois homens abriram fogo contra jornalistas e cartunistas do jornal sátiro satírico “Charlie Hebdo”, em Paris, durante uma reunião, matando 11 e deixando 10 feridos, em represaria às charges que o jornal publicava com as imagens de Maomé.
13 de novembro de 2015, em Paris, terrorista agindo em seis lugares diferentes matam 130 pessoas e ferem 352. O grupo denominado de Estado Islâmico assume a autoria dos atentados.
Em março deste ano, Bruxelas foi o alvo de atentados, quando o grupo Estado Islâmico, atacou o aeroporto internacional atingindo o terminal de embarque matando 11 pessoas, enquanto outras 20 foram mortas quando explosões ainda maiores atingiram o metrô.
Em Istambul, o aeroporto internacional, foi alvo de ataque terrorista em 28 de junho de 2016, deixando um saldo de 44 mortos, sendo 12 estrangeiros e 238 feridos. Nenhum grupo assumiu a autoria deste atentado.
Na celebração do dia da Bastilha, em Nice, no dia 14 de julho deste ano, um caminhão atropelou centenas de pessoas que assistiam a uma queima de fogos, deixando cerca de 80 mortos e 300 feridos. O Estado Islâmico também reivindicou a autoria deste atentado.

HOMENS BOMBAS

Ao analisar as ações terroristas nos últimos anos, podemos ver que muitas pessoas se converteram ao terrorismo, tornando-se pessoas suicidas (homens bomba) com intuito de destruir algum lugar ou algo, ou mantar pessoas.
Muitos acreditam que os motivos dos ataques são para ter o beneficio de passar a eternidade no Paraiso, na companhia de 72 jovens virgens. Um especialista 
Ariel Merari acredita que essa resposta não passa de um mito. Nos conceitos dele a religião não é a principal motivação dos homens bomba e que eles não buscam nenhum tipo de vingança pois 94% dos entrevistados por Merari não tinham nenhum dos seus parentes mortos nesse atentados terrorista. Psicólogos mostram que 60% dos homens bomba sofrem de alguns transtornos de personalidade, o que levou aos não Muçulmanos se converterem ao Islã.




                                                                                                                                                  Referencias:                                                     

Vídeos 302

Loading...

Tire a sua dúvida!

Nome

E-mail *

Mensagem *